Universo
 Sistema Solar
 Ar
 Água
 Solo
 Ecologia
 Seres Vivos
 Reino dos Animais
 Reino das Plantas
 Corpo Humano
 Mais Conteúdos [+]

 Seres Vivos
 Os Vírus
 Reino Monera
 Reino Protista
 Reino Fungi
 Reino Plantae
 Genética
 Citologia
 Biotecnologia
 Mais Conteúdos [+]

 Exercícios Resolvidos
 Provas de Vestibular
 Simulados On-line

 Laifis de Biologia
 Área dos Professores
 Fórum de Discussão
 Glossário Biológico

 Jogos de Ciências
 Biokids
 Macetes

 Jornal Só Biologia
 Notícias
 Curiosidades
 Dicas de Etiqueta
 Grandes Cientistas
 Indicação de Livros
 Fale Conosco

 
Busca Geral

 

 

As bases no nosso dia-a-dia

 

Algumas bases são encontradas nas substâncias usadas em nosso cotidiano:

  • hidróxido de magnésio (Mg(OH)2), presente no leite de magnésia utilizado para combater a acidez estomacal;
  • cal hidratada (Ca(OH)2), usada como argamassa na construção civil;
  • hidróxido de sódio (NaOH), utilizado para a limpeza de materiais, no desentupimento de canos e largamente empregado na indústria;
  • hidróxido de amônio (NH4OH), componente de vários produtos de limpeza vendidos no comércio.

 

Os indicadores ácido-base e o pH

 

 

Algumas substâncias apresentam comportamento distintos na presença de ácidos ou de bases. Entre elas, há um grupo de substâncias que assume diferentes colorações em função de o meio em que se encontram ser ácido ou básico. As substâncias pertencentes a esse grupo são chamadas indicadores ácido-base.

Há uma escala numérica denominada pH, com valores entre 0 e 14, que indica se o meio á ácido, básico ou neutro.

Os valores de pH são calculados matematicamente considerando as concentrações de H- e (OH) presentes em uma solução. O pH significa potencial hidrogeniônico. Quanto menor o valor do pH maior a acidez. Em contrapartida, quando maior o valor do pH, maior a basicidade. É comum, em substituição ao termo basicidade, ser utilizado o termo alcalinidade.

 

 

A escala de pH serve para medir o nivel de ácido-base. Se o nivel for entre 0 e 6, é ácido ou alcalino. Se for 7 é neutro. E se for entre 8-14, a solução é básica.

 

 

Os indicadores são substâncias que mudam de cor em função do valor do pH, podendo, assim, servir como parâmetro para indicar em que a faixa de pH uma determinada amostra se encontra. Por exemplo, a fenoftaleína é um indicador que, em meio ácido ou neutro, apresenta-se incolor; quando em meio básico, torna-se avermelhada.

Os indicadores não informam o valor exato do pH de uma solução, apenas fornecem dados para avaliar se o meio encontra-se ácido, básico ou neutro. Para saber o valor exato do pH, utiliza-se um equipamento especial, o pHmetro (peagâmetro).

É possível misturar ácidos com bases até conseguir um pH neutro. Esse processo chama-se neutralização e consistem em um tipo de reação química.

 

 

 

 

 

 

 

Curta nossa página nas redes sociais!

Mais produtos

 

Sobre Nós | Política de Privacidade | Contrato do Usuário | Anuncie | Fale Conosco

Copyright © 2008-2014 Só Biologia. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por Grupo Virtuous.