DNA

Esta, ensinam os cientistas, é a molécula da vida. A sigla DNA vem de Ácido Desoxirribonucléico.

É no DNA que toda a informação genética de um organismo é armazenada e transmitida para seus descendentes. Essa carga genética está contida no núcleo e todas as células de um organismo. Em todos os seres vivos, o DNA é formado por uma fita dupla composta por 4 letras - A, T, C e G.

Essas letras representam compostos orgânicos: o A é a adenina, o T é a timina, o C é a citosina e o G é a Guanina. Se fosse possível esticar esta fita, teríamos 2 metros de DNA. As diferentes combinações destas letras - que chegam a mais de 3 bilhões em cada célula - fazem a variabilidade dos seres vivos.

Cromossomos

Sequências de DNA formam os cromossomos. Cada organismo tem um número diferente de cromossomos. O ser humano, por exemplo, tem 46 (recebemos 23 da mãe e outros 23 do pai).

Gene

É a parte funcional do DNA. No caso do genoma humano, por exemplo, apenas 3% é formado por genes. O resto é apenas, agrupamentos de proteínas que não contêm nenhuma informação. Os genes, portanto, são sequências especiais de centenas ou até milhares de pares (do tipo A-T ou C-G) que oferecem as informações básicas para a produção de todas as proteínas que o corpo precisa produzir.

Genoma

Em biologia, o genoma é toda a informação hereditária (passa para seus descendentes) de um organismo que está codificada em seu DNA (ou, em alguns vírus, no RNA). Isto inclui tanto os genes como as sequências não-codificadoras que são muito importantes para a regulação gênica, dentre outras funções.

Sequenciamento do Genoma ou DNA

O sequenciamento é a técnica utilizada para determinar em que ordem as bases (letras) contidas no DNA, se encontram. Quando se diz que um genoma foi sequenciado queremos dizer que foi determinada a ordem que as informações (genes) estão colocados no genoma.

Mas para que isso serve?

Com o sequenciamento dos genomas podemos obter informações sobre a linha evolutiva dos organismos (saber quem tem o DNA mais parecido com quem). As informações contidas nos genomas poderá resultar em novos métodos de diagnóstico, na formulação de novos medicamentos, vacinas, na prevenção e tratamentos mais eficazes contra doenças ou pragas.

Como referenciar: "DNA, Cromossomos, Gene, Genoma" em Só Biologia. Virtuous Tecnologia da Informação, 2008-2020. Consultado em 27/05/2020 às 00:07. Disponível na Internet em https://www.sobiologia.com.br/conteudos/Seresvivos/Ciencias/biogenoma.php

Divirta-se com o LOBIS HOMEM

CARNAVAL LOBELEZA

O SONHO DE SER CANTOR